domingo, 8 de março de 2009

Perdão - Parte I

Perdão é Díficil...
Por Dama de Cinzas

Lá pela minha adolescência a coisa mais fácil que tinha era eu perdoar alguém. A pessoa aprontava todas e eu esquecia tudo num estalar de dedos. Acho que isso tem a ver com auto-estima. Quanto mais valor você se dá, menos você permite que as pessoas abusem dos seus sentimentos.
Os anos foram passando e eu fui perdoando cada vez menos. O processo começou por só perdoar quando me pediam desculpas, depois só perdoava se a pessoa não aprontasse muito. E te digo que hoje os furinhos da minha peneira estão bem pequenos. Posso até perdoar, mas aquela mágoa que fica dentro da gente é horrível. Não conseguimos nos livrar dela nem que se passe 100 anos.
Então acho que se tem mágoa, não tem perdão absoluto. Se não tem perdão absolut
o, não ando perdoando mais ninguém.
Acho que as pessoas tem tomar cuidado com o que falam e com o que fazem comigo. Senão correm o risco de entrar na minha grande lista negra.
Só deixo as exceções mesmo para amigos muito queridos. Esses continuam aprontando comigo e logo em seguida são desculpados, desde que seus erros não sejam contra a minha dignidade...

---

Perdoar é Divino
Por Quase Trinta

Perdoar, ato divino, sublime, nobre.
Acho tão bonito quem tem a humildade de pedir perdão pelos seus erros. Mas acho mais sublime ainda o ato de saber perdoar.
Confesso que precisso evoluir nos dois quisitos.
Pedir desculpas é mais fácil e aceitá-las também.
A diferença entre desculpa e perdão estão no significado: desculpo (mas não esqueço e sempre vou remoer a situação e me desculpo mas posso fazer isso novamente).
Já perdoar é: eu perdoo e esqueço, nunca em uma briga vou jogar essa situação na sua cara e sim eu peço perdão, estou arrependido e não cometerei esse erro novamente.
Quem tem dificuldade em perdoar como eu sofre! Sofre mais do quem cometeu o ato e pediu perdão. A situação fica sendo remoída e nos mata aos pouco sentir isso.
Preciso evoluir... saber perdoar e o mais importante A QUEM PERDOAR.

---

Como domingo (08/03) é o dia da Mulher, nada mais natural que a postagem do dia fosse feita por nossas duas discrepantes e lindas mulheres.
E que assunto mais delicado, não? Tratado delicadamente pelas duas musas desse blog.

E na quarta-feira, a parte dois desse assunto.

E votem na nova enquete, pois vocês ajudam a fazer o Mentes Discrepantes!

8 comentários:

Felipe disse...

Mulheres, parabéns pelo seu dia!

Quanto ao assunto, eu perdoo,perdoo, perdoo... Juro, sem guardar rancor, até chegar uma hora que não consigo mais perdoar. Aí vou ao extremo. Corto qualquer tipo de relacionamento. Pra verem minha tolerancia, hoje em minha vida, tenho 2, apenas 2 pessoas ignoradas, que perdoei, perdoei, perdoei... Depois, não consegui mais. Acabou a confiança;

Duh disse...

Perdoar é algo muito delicado mesmo... tem muita gente que perdoa, mas só da boca pra fora... depois na primeira oportunidade que têm elas "vomitam" tudo aquilo que disseram um dia perdoar...
Eu tenho que melhorar e muito nesse quesito... realmente o perdão é algo literamente divino

Quase Trinta disse...

Autor lindo.. quer dizer que viramos musas... UAUUUUUUUUUUUU
Eu e Dama já temos a auto estima lá no alto imagina agora com esse elogio....

vc é um lord...rs

bjs

Daniel Savio disse...

Hua, kkk, ha, ha, já ia perguntar porque as meninas primeiro, mas no final do post veio a explicação.

Sinceramente, eu não perdoo (pelo na maioria das vezes), pois a pessoa que te de se perdoar, pois não adianta eu falar que está tudo bem e a pessoa continua fazer o mesmos erros, pois se ela realmente mudou, não vai ficar esperando o meu perdão para por em pratica o caminho certo.

Fiquem com Deus, meninas (e feliz dia de vocês).
Um abraço.

Juliano disse...

Gostei da ideia do blog... interessante.
Quanto ao perdão... eu sou um boca mole! Perdoo todo mundo e todo mundo pisa de novo. Um dia eu aprendo, eu sei...

Pelos caminhos da vida. disse...

Não é fácil perdoar,principalmente qdo uma pessoa apronta uma gde pra gente.


beijooo.

Syn (apses) disse...

Comentários extremamente felizes:

-DAMA: "Acho que se tem mágoa, não tem perdão absoluto. Se não tem perdão absoluto, não ando perdoando mais ninguém."

-QUASE 30: "Preciso evoluir... saber perdoar e o mais importante A QUEM PERDOAR."

Reflete exatamente a minha opinião sobre o assunto, por isso acho que perdoar é tão difícil pra mim.

Excelente meninas! Bjão!

Mulherzinha Sim! disse...

Penso como Quase Trinta. Perdoar é um ato sublime e que só pode ser válido se, realmente, não ficou nenhuma mágoa.

Não é fácil perdoar. Mas é algo que só faz bem, pois guardar rancor, ódio e outros sentimentos pesados torna a pessoa amarga, sofrida...

Com o tempo, aprendi a perdoar algumas coisas. E ainda estou evoluindo neste quesito. Porém, sempre sei pedir perdão pelos meus erros.