quarta-feira, 13 de maio de 2009

"...e tudo termina exatamente como começou..." Parte II


Começar de Novo
Por Pimenta

Chegar em casa, largar as malas, cair no sofá e perceber que foram só dois anos que se passaram.
De volta ao ponto onde abandonei minha vida, mudei de tudo: de comida, de lingua, de ar, de país, de forma.
Descobri que o respeito à cultura e tradição são o que formam um povo; une ricos e pobres, comunhando em culura que não morre, que perpetua-se por milênios.
Agora, de volta ao mundo onde a cultura dura 15 minutos ou o período que dura a novela, ou o BBB; onde a cultura é africana, americana, italiana, japonesa, mixigenada, desunificada; diferente em cada estado e região. Onde tudo é claramente tão dividido entre a impotência e o poder. Um lugar onde você não vem só para viver, mas pra lutar: contra as máfias da política, da (in) justiça, contra a mentira , a fatalidade do abandono a própria sorte, da violência e do jeitinho brasileiro.
Mas continua sendo um lugar maravilhoso, lugar ao qual pertenço, pelo qual vale a pena lutar.
E tudo termina exatamente como começou... Mas só por enquanto, até eu começar de novo.

---

Excepcionalmente nessa semana não teremos o texto de nossa querida Quase Trinta.
Mas, entendemos, não é mesmo?
São tantos os afazeres e somos tão humanos, que nada mais natural que imprevistos aconteçam.
Mas, na semana que vem, certamente teremos um texto dela aqui.
O tema? Vocês estão escolhendo! A enquete está logo ali do lado direito. Continuem votando!
Grande abraço

4 comentários:

S.A.M disse...

Todos nós amamos esta terra e temos a esperança que um dia ela dê a dignidade necessária a todos os seus filhos!


P.S.: Blog estupendo! hehe

:D

Gi Lima disse...

Se quiserem me fazer uma visita e daixarem suas impressões, critícas e sugestões ficarei imensamente grato.

www.veneraveis-criaturas.blogspot.com

forte abraço

Gil

Lis disse...

Como não gostar desta pluaridade que só o Brasil tem? [momento ufanista mode on] Seja bem vinda Pimenta!!!
Bjusssssssssss

Daniel Savio disse...

Eu não gosto tanto de viajar, dá muito trabalho...

Hua, kkk, ha, ha, mas é bom para ver que a nossa vida só pode ser nossa e não de outro.

Fiquem com Deus, galera.
Um abraço.